28 de mai de 2010

Como Enfrentar o Bullying na Escola

A mídia tradicional costuma manter um certo descompasso com a vida real.

Um tempo atrás descobriram um novo termo para relações amorosas de curta duração e sem compromisso: o “ficar”. Novo para a mídia, já que “ficar” é algo mais do que conhecido para quem nasceu nas últimas 4 décadas.

A bola da vez é o bullying, embalado em um anglicismo mas também nada novo. Pergunte ao seu avô e ele certamente terá histórias para contar dos tempos de colégio.

Se você chegou aqui procurando uma maneira de se livrar de seus perseguidores, uma má notícia: você é um babaca. Só babacas sem sangue nas veias sofrem com isso, sinto muito, mas é a verdade.

Pensando bem, não sinto nada, você é babaca mesmo e ponto final.

Não se desespere, no entanto, há maneiras de reverter a situação.

Bullying

Antes de mais nada, esqueça tudo que encontrou em outros sites, eu fiz uma busca e os conselhos dados só levarão você mais fundo ainda, se é que é possível, no poço dos perdedores; senão vejamos:

1. Reclamar Com a Escola

Isso funciona até certo ponto, já que agora você será o saco de pancadas fora da escola, e a pancadaria será redobrada, já que sabem que você reclamou.

2. Pedir Ajuda aos Pais

Não, sério. Não faça isso. Seus pais irão aconselhá-lo a ter calma e conversar com os agressores. Provavelmente irão até a escola, levando você a níveis de humilhação nunca vistos na história ocidental.

E não vai adiantar, depois disso até as garotas baterão em você. Eu bateria em você se o encontrasse na rua.

3. Reagir Verbalmente

Se você é vítima de bullying, é provável que tenha grande intimidade com números, computadores e livros. É grande também a chance de que seja bem humorado e inteligente.

Não use isso contra seus agressores, eles não entenderão seu humor depreciativo, os colegas que entenderem irão rir deles e isso eles entenderão, batendo mais ainda em você.

4. A Saída Columbine

Lembra? A escola onde dois lunáticos armaram-se até os dentes e mataram meio mundo, provavelmente porque se achavam excluídos?

Pois é, além de um babaca covarde você será conhecido como babaca covarde psicopata assassino. Não é uma boa ideia, ponto.

Se nenhum dos argumentos acima o convenceu, lembre-se que os babacas que o perseguem hoje serão necessários no futuro próximo. Afinal, alguém tem que encher o tanque do seu carro e empacotar suas compras.

O Que Fazer Então?

Eu poderia entrar em detalhes enfadonhos, mas um vídeo de pouco mais de um minuto vale mais do que mil palavras nesse caso.

Fonte: http://www.ofimdavarzea.com/como-enfrentar-o-bullying-na-escola/

4 comentários:

Ministério da saúde disse...

Caro blogueiro,


A campanha de vacinação contra Influenza H1N1 foi prorrogada até 2 de junho. Gestantes, doentes crônicos, adultos de 20 a 39 anos e agora crianças de 6 meses a 5 anos devem se imunizar. A vacina contra o vírus que já matou mais de 2 mil brasileiros, está disponível nos postos de saúde pública de todo o Brasil. Ela foi testada, é segura e mais de 300 milhões de pessoas já foram imunizadas com esta vacina no Hemisfério Norte.

Por isso, é muito importante contar com a sua colaboração! Você pode ajudar por meio de materiais que disponibilizamos especialmente para blogs.

Para mais informações sobre como se tornar um parceiro, escreva para fernanda.scavacini@saude.gov.br

Atenciosamente,
Ministério da Saúde

Maria disse...

Você não sabe o que está falando e digo mais agressões físicas e verbais são proibidas por lei. Há muitos casos de escolas e pais que tiveram que pagar idenizações as vítimas por causa deste tipo de violência. Além disso no tempo de nossos avos, as pessoas eram mais tolerantes e respeitavam mais umas as outras, hoje vivemos numa completa crise de limites!!!

Anônimo disse...

Cara assim, vc realmente precisa fazer uma pessoa q já se sente mal com as zuações e talz, ser zuada até procurando ajuda?? Eu não sofro bullying e não é pq eu não tenho inimigos, é simplesmente pelo fato de q quem não gosta de mim sabe q se fizer qq coisa contra mim eu não vou abaixar a cabeça e concordar, como vc sugere. Se ninguém faz nada, isso vira um ciclo vicioso e sem fim. Sim, o bullying existe desde sempre e a mídia está usando uma história antiga pra ter assunto; mas é importante que alguém se importe pq pessoas de auto-estima e psicológico abaladas nem sempre tem condições de agirem e enfrentarem esse problema.

Jogos disse...

Muito bom o post ...

Agora mais do que nunca este assunto deverá ser abordado nas escolas de forma intensa ...

Jogos Online